Visitem o estande coletivo da Alemanha na Bienal do Livro de São Paulo
(corredor M, estande 34)

Serão cerca de BienaldoLivro30 editoras, instituições, distribuidores, revistas e empresas de vários segmentos da indústria editorial alemã participando da Bienal do Livro de São Paulo no estande da Alemanha. Veja mais informações aqui.

 
 
Mostra do Livros

A apresentação de aproximadamente 100 editoras alemãs contará com mais de 350 livros de diferentes gêneros e temas, como:
– Literatura contemporânea de ficção em língua alemã;
– Obras do Prêmio Alemão do Livro 2015;
– Novas obras em alemão;Stand da Alemanha, temporada da Alemanha no Brasil, Rio de Janeiro
– Literatura infantojuvenil: Tour de livros infantis e lista de direitos da Feira do Livro de Frankfurt;
– Literatura infantil: “LOOK”, exposição de 85 de livros infantis;
– Livros sobre a cultura da cerveja: 41 obras sobre essa especialidade alemã;
– Ensino do alemão como língua estrangeira (DaF);
– Livros de não-ficção;
– CTP.

Fale Conosco

Nicole Gruener, Marifé Boix Garcia e Dieter Schmidt, da Feira do Livro de Frankfurt, Victoriano Colodrón, do Copyright Clearance Center (www.copyright.com), Goethe-Institut São Paulo (www.goethe.de/saopaulo) e Ronald Schild, Dai Wei e Ricardo Costa da MVB, que com a CBL lançarão no Brasil o projeto BOOKS IN PRINT, estarão pessoalmente no estande para recebê-los.

No estande da Alemanha na Bienal do Livro de São Paulo, você encontra também informações sobre a programação na Feira do Livro de Frankfurt 2016, o Business Club (http://www.buchmesse.de/en/businessclub), THE ARTS+ (http://theartsplus.com) e outras oportunidades de negócio da Feira do Livro de Frankfurt 2016, que acontece de 19 a 23 de outubro.

Coquetel

Convidamos todos os amigos do livro, colegas, visitantes e expositores para a nossa recepção na sexta-feira, dia 26 de agosto, às 17 h, em cooperação com o Goethe-Institut e o Consulado Geral alemão.

GoetheInstitutAtividades

Sexta-feira, 26 de agosto, às 14 h, nossa colega Cristiana Negrão apresentará os livros infantojuvenis do tour de livros infantis e a lista de direitos da Feira do Livro de Frankfurt, atualmente com 64 títulos de 15 editoras alemãs.

O programa cultural de eventos, organizado pelo Goethe-Institut São Paulo em colaboração com a Feira do Livro de Frankfurt, conta com autores alemães convidados de não-ficção, como Leander Wattig e Stevan Paul (Gastronomia), e a ilustradora Stefanie Harjes.

Venda de Livros

A venda de livros no estande será administrada pela Livraria SBS (www.sbs.com.br).

Rights Meeting


Durante mais de 30 anos, o evento ‎Frankfurt Rights Meeting (antes chamado International Rights Directors Meeting),realizado pela Feira do Livro de Frankfurt, reúne os mais importantes profissionais do mercado internacional de direitos e licenças. Para esse ano, o lema escolhido é Surprising Successes in Challenging Times (Sucessos surpreendentes em tempos de desafio). Palestrantes de alto nível darão sua visão sobre esse tema fascinante, com perspectivas e estratégias diferentes. A proposta é levar aos participantes histórias diferentes de sucessos com o objetivo de ampliar o conhecimento do mercado, inspirar e fazer network. A apresentadora será Isabelle Bleecker, vicepresidente e diretora de Direitos Internacionais da Perseus Books, pertencente ao Grupo Editorial Hachette, EUA. Uma ótima oportunidade para entender melhor e tirar as dúvidas sobre a questão de direitos e licenças no mercado editorial.

Books in Print Brasil

BIP BrasilA Feira do Livro de Frankfurt e a MVB, empresa coligada da Feira, em sociedade com a Câmara Brasileira do Livro (CBL), estão trazendo para o Brasil a plataforma de metadados Books in Print, que está no mercado editorial alemão há mais de 45 anos. Construída com as mais modernas tecnologias, a plataforma atende atualmente 22 mil editoras e mais de 2 mil livreiros, varejistas, distribuidores e atacadistas na Alemanha, Áustria e Suíça, e conta com 2,1 milhões de títulos ativos cadastrados — além de outros mais de 3 milhões inativos. O Books in Print Brasil trabalha para se tornar o banco de dados unificado do mercado brasileiro, sendo um ponto de entrada único para os editores. O sistema será lançado oficialmente na Bienal do Livro de São Paulo, no dia 26 de agosto, às 18h, mas os primeiros testes já começaram e grandes empresas do mercado estão em negociações avançadas para operar com a plataforma. Você pode conhecer melhor o Books in Print Brasil no site www.bipbrasil.com, ou pode entrar em contato diretamente pelo email info@bipbrasil.com para pedir mais informações.

O que aprendemos com os editores chineses

“Definitivamente podemos (devemos) nos inspirar na atenção extrema dos chineses para suas crianças. Da importância das crianças na sociedade chinesa. Sabendo que a grosso modo são 400 milhões de crianças e jovens na China, 70% da produção editorial chinesa são dedicadas a elas. Nunca vi, confesso, uma livraria de 2.000 metros quadrados repartidos em dois andares com dezenas de milhares de livros exclusivamente dedicados para as crianças, como uma que visitamos em Pequim. A educação à criança é "A" prioridade na China. É para se inspirar sim...”
Arnaud Vin, fundador da editora Nemo
Leia a íntegra da entrevista

Editores em Frankfurt, um intercâmbio rico e especial

Sala de reuniões no prédio histórico da Ullstein | © Mariana Warth

Sala de reuniões no prédio histórico da Ullstein | © Mariana Warth

A convite do Ministério das Relações Exteriores da Alemanha e com intermediação da Feira do Livro de Frankfurt, sete editores brasileiros independentes participaram em fevereiro de um programa no país para série de reuniões com editores, agentes literários e personalidades que ditam os rumos e as tendências da literatura e do mercado editorial no país. Conhecer novidades, ampliar as possibilidades de interação, focar a produção em novas metas e fazer contatos com profissionais de outras áreas afins foram os objetivos. Como resultado, os participantes entenderam  melhor a dinâmica do mercado alemão, a estrutura das empresas e como elas fazem suas dinâmicas no mercado nacional e internacional, além de abrirem portas para a interação comercial. Eles elogiaram o encontro, a possibilidade de fazer novos contatos e os encontros pessoais tão valorizados no mercado editorial. Aguardem nossos próximos programas de intercâmbios em outros países com potencial para o mercado editorial brasileiro.

Boletim atual: 24/08/2016

O professor deve ter uma base humana e cultural sólida

ClaudiaPrioste

“Não adianta entender de informática se ele não souber compreender a psicodinâmica das relações históricas, culturais, políticas, econômicas e afetivas que envolvem seus alunos. Percebo que muitas disciplinas dos cursos de graduação estão completamente desatualizadas, abordam autores clássicos de maneira superficial e ao mesmo tempo ignoram pesquisas recentes que estudam as relações do homem com as máquinas e com as mídias em geral. Acredito que é importante incluir as TIC no currículo de formação docente, mas não de uma maneira tecnicista e sim envolvendo filosofia da tecnologia, pois, mais do que saber operar um computador é preciso entender seus efeitos em nossas vidas”.

Cláudia Prioste, psicóloga e doutora em educação

Bienal do Livro começa nesta sexta-feira
Até o dia 4 de setembro a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) em sua 24ª edição, pode ser conferida no espaço do Anhembi, em São Paulo, com atrações multiculturais voltadas para celebrar a leitura.

Conheça as novidades da Alemanha na Bienal do Livro
O estande coletivo da Alemanha na Bienal do Livro de São Paulo (corredor M, estande 34) tem a participação de cerca de 30 editoras, instituições, distribuidores, revistas e empresas de vários segmentos da indústria editorial alemã que enviaram suas obras para essa edição.

Books in Print tem lançamento na Bienal do Livro
O mercado editorial brasileiro recebe nesta semana a plataforma Books in Print, com o objetivo de unificar a entrada de dados de livros para editores e posterior registro nos bancos de dados de livrarias, distribuidoras, prestadores de serviços e participantes da cadeia produtiva do livro no país.

Uma plataforma para cobrar políticas educativas dos candidatos
Nasceu, na semana passada, o Mapa nas Eleições, uma plataforma que pretende canalizar as demandas de educação dos jovens e levá-las até os candidatos a prefeito de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador.

O que devemos priorizar na Educação?
O problema é tão monumental e complexo que, para resolvê-lo, será necessário elencar prioridades e fazer escolhas duras. Nosso ensino está cheio de gargalos, em todas as etapas do ciclo escolar.

Clubes do livro para crianças também
Apesar dos clubes do livro não serem tão populares entre crianças e adolescentes, diversas livrarias nos Estados Unidos lançaram clubes do livro para jovens clientes - com diferentes graus de sucesso.

Quanto mais se lê, mais se vive
O estudo, publicado na edição de setembro da revista Social Science & Medicine, analisou os padrões de leitura de 365 pessoas com 50 anos ou mais. Em média, se verificou que os leitores vivem aproximadamente dois anos a mais que os não leitores.

Plataforma gratuita do Inspirare foi criada para educadores
Para os educadores que sentem falta de soluções inovadoras foi criada a plataforma gratuita Apreender (apreender.org.br). A ideia é permitir ao educador conhecer diversas propostas e escolher a que melhor se adapta às suas necessidades.

Leia mais

CONTEC BRASIL

CONTECO que são as conferências CONTEC?
A CONTEC Brasil incentiva discussões sobre a incorporação de novas tecnologias na sala de aula, o treinamento de professores, e a mídia digital e as redes sociais na alfabetização.
Palestras e painéis de discussão exploram a influência cada vez maior do livro digital na produção editorial tradicional, os desafios da produção crossmedia e o poder da mídia social.

The Markets 2016

Vivemos tempos em que diversificar mercados e buscar novas parcerias devem ser objetivos constantes. A conferência The Markets – Global Publishing Meeting, realizada pela primeira vez em 2015, novamente será um ponto de encontro importante para todos os que procuram a expansão global de seus negócios. A tendências globais, novos modelos de negócios e as inovações do setor serão apresentadas nesse evento em que os participantes terão a chance de conhecer em primeira mão os mercados editoriais mais vibrantes e as regiões emergentes. Também poderão fazer network com parceiros potenciais, intercambiar experiências com colegas e encontrar-se com os atores principais do mercado.